Marketing de Conteúdo

Marketing de Conteúdo

Marketing de Conteúdo

Marketing de Conteúdo

O marketing de conteúdo é uma poderosa ferramenta para se colocar frente a clientes em potencial com informação de valor.

É por isso que em uma época na qual decresce a atenção aos modelos tradicionais de comunicação e cresce o ceticismo às propostas comerciais, oferecer conteúdo de qualidade é mais efetivo que fazer publicidade.

É claro que brindar a informação que os clientes em potencial estão buscando é uma forma de construir confiança. No entanto isso abre um grande interrogante: se nos dedicamos a gerar conteúdo, quando vendemos?

 

A geração de conteúdo não se refere exclusivamente a oferecer informação, mas também na vinculação desse conteúdo com o processo de venda como tal.

O fato de que utilizemos o conteúdo para gerar confiança nesse processo prévio de apaixonar os clientes, não significa que não possamos apaixoná-los e vender.

Marketing de Conteúdo

O conteúdo 

O conteúdo dá contexto a nossa oferta de valor, marca o que vendemos para que tenha sentido. O conteúdo informa, faz consciente ao cliente de uma necessidade e o convida a mobilizar-se a um seguinte passo, comprar.

Ainda que não seja uma camisa de força, o conteúdo deve ser criado em função dos produtos ou serviços que oferece.

Respondendo perguntas frequentes, dissipando objeções e educando em aspectos que podem ser desconhecidos para o cliente.

Um estúdio fotográfico, por exemplo, poderia gerar conteúdo do tipo “3 dicas para sair bem nas selfies” ou “Como saber que posse o favorece mais”, para depois vincular essa informação com os serviços fotográficos como uma alternativa comercial.

O fato de que a certas pessoas lhes interesse este conteúdo é um claro indicador de que podem ser clientes do negócio do tipo de conteúdo que colocamos frente aos clientes em potencial faz com que eles mesmos se pré qualifiquem a consumi-lo, nos demonstra que tem o perfil da pessoa que nos interessa.

Esse é o papel do conteúdo, não só oferecer informação por oferecê-la, mas também como um gancho que chame a atenção daqueles que poderiam comprar o que seja que vendamos.

o que é Marketing de Conteúdo

 Marketing de Conteúdo para vender

O conteúdo se relaciona com nossa oferta de produtos ou serviços. O conteúdo atrai a pessoa correta. O conteúdo é o veículo sobre o qual se mobiliza nossa proposta comercial.

Estes são alguns exemplos de como relacionar a informação editorial com o que vendemos. Formas nas quais se pode usar o marketing de conteúdo para passar de informar a vender.

 

Um exemplo clássico: vendendo com um Blog

Os artigos de um blog (ou inclusive em sites) são conteúdos que permitem relacionar aspectos de interesse da audiência com as coisas que você comercializa a empresa.

Uma efetiva estratégia de conteúdos sempre envolve informação relevante com soluções ou respostas da empresa.

Além de vincular o conteúdo de um determinado artigo com o qual a empresa vende, o objetivo é que o cliente potencial veja oferecimentos adicionais no entorno da página web que está visitando.

 Vender com Marketing de Conteúdo

Ao longo do processo de marketing estamos atraindo e gerando confiança para depois converter estas pessoas em clientes felizes.

É nessa parte do processo onde entra o marketing de conteúdo, seduz, dá contexto e relaciona um problema ou desejo com uma solução.

Uma vez que o processo de geração de confiança se põe em marcha, você pode transformar qualquer alternativa de marketing e converter esta informação em vendas.

Bom exemplo disso é usar a sua página de Facebook não só para dar informação, mas também esporadicamente para promover seus serviços.

 

 

Compartilhe com seus Amigos!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *